O extrato de alho causa ou pode tratar a hipertensão?

Nos últimos anos, tem aumentado o número de pessoas que sofrem com doenças cardiovasculares ou que apresentam pressão alta, essa condição tem afetado tanto os idosos quanto os mais jovens.

Porém, os medicamentos para baixar a pressão arterial podem causar diversos efeitos colaterais, por isso, despertou um grande interesse por remédios e suplementos naturais que são eficazes, assim como o extrato de alho.

Este artigo discute se o alho é uma maneira segura e eficaz de reduzir naturalmente sua pressão arterial e, em caso afirmativo, quais formas são mais eficazes. Ficou curioso? Acompanhe.

Qual é o efeito do alho na pressão arterial?

O alho é um vegetal utilizado há séculos como alimento medicinal, principalmente, para baixar a pressão arterial.

Especialistas afirmam que o alho é um excelente remédio para pressão alta. Foi comprovado por estudos que o uso deste composto é tão eficaz quanto os medicamentos, além de não ser prejudicial à saúde e sem efeitos colaterais.

Foi relatado por pesquisas que os suplementos de alho reduzem a pressão arterial sistólica e diastólica, respectivamente, sem prejudicar a saúde e a qualidade de vida.

Além disso, esses suplementos também funcionam para pessoas com hipertensão, sendo bem recomendado por médicos.

Como funciona?

O principal ativo do alho é a alicina. Ela é a grande responsável por manter os níveis da pressão arterial estáveis. Além de prevenir a produção de angiotensina II, composto responsável por contrair os vasos sanguíneos, aumentando a pressão arterial.

Dessa forma, os efeitos da alicina auxiliam no fluxo livre do sangue, prevenindo a produção de angiotensina II, prevenindo e reduzindo a hipertensão.

Além disso, a alcina também ajuda a aumentar a produção e a disponibilidade de sulfeto de hidrogênio e óxido nítrico, dois compostos essenciais que ajudam nesse processo.

Foi comprovado por especialistas que as propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes presentes no alho também contribuem para a redução e prevenção dos níveis da pressão arterial.

Segurança

O alho é usado como medicamento para prevenir e tratar doenças há mais de cinco mil anos, além de ter poucos relatos de efeitos colaterais, sendo mais seguros para a saúde e qualidade de vida.

Alguns efeitos colaterais que foram relatados, são:

  1. Mau hálito;
  2. Odor de alho pelo corpo;
  3. Gases;
  4. Refluxos;
  5. Dor estomacal.

Também é importante que fique atento em casos de hipersensibilidade, dores de cabeça, boca seca, tosse, fogachos, úlceras na boca e sonolência, porém, é bem raro apresentar esses sintomas. Normalmente eles costumam aparecer em casos de superdosagem.

Outros remédios naturais para pressão arterial

Caso tenha algum sintoma adverso usando o extrato de alho, pode estar optando por outros remédios naturais cientificamente comprovados e eficazes para a redução da pressão arterial.

  • Incluindo:
  • Ginseng;
  • Potássio;
  • Ômega-3;
  • Vitamina E;
  • Probióticos;
  • Vitamina C;
  • Ácido lipóico;
  • Grãos inteiros;
  • Coenzima Q10.

Vale ressaltar que, sempre antes de fazer o uso de qualquer suplemento, mesmo sendo natural, é importante consultar um médico para melhores orientações.